quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Polícia prende dois homens por desperdiçarem 9 mil litros de água da Operação Carro Pipa

Dois homens foram presos nesta terça-feira (3), em Maracanaú, Região Metropolitana de Fortaleza, acusados de desperdiçarem cerca de 9 mil litros de água da Operação Carro Pipa. De acordo com os suspeitos, a água desviada havia sido retirada da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) e deveria ter como destino o município de Canindé, um dos que sofre com a seca no Estado.
A Polícia Militar flagrou, no bairro Distrito Industrial, o momento em que o motorista do caminhão pipa, Paulo Tierdes Cavalcante de Oliveira, despejava a água potável em um córrego. O homem, que já responde por lesão corporal, tentou enganar a Polícia, dizendo que a água era suja, vinda de uma piscina. No entanto, a PM verificou que o líquido era límpido, transparente e inodoro. O motorista, então, foi encaminhado ao 21º DP. 
Paulo afirmou que fazia o serviço para o proprietário do caminhão, Wanderson da Silva Costa, que também foi preso. Os dois foram autuados por estelionato e dano ao patrimônio público. Wanderson informou na delegacia que faz parte da Operação Carro Pipa, que tem como objetivo o abastecimento urgente de água potável em vários municípios. Wanderson deveria distribuir a água gratuitamente, como é é previsto na operação. No entanto, ele derramava os milhares de litros. 
A Polícia continua as investigações sobre o caso e, dependendo da profundidade do tema, a ocorrência pode ser passada para a Polícia Federal. Uma das suspeitas é de que Wanderson praticava o crime porque não recebe gastos de combustível ao transportar a carga.
Fonte: Diário do Nordeste

Nenhum comentário: