terça-feira, 7 de março de 2017

Reriutaba: Começa demolição de casarão histórico no centro da cidade

Iniciou-se hoje(07/03), a demolição do antigo casarão, conhecido por todos como casa das Mamedes, localizado na praça da matriz de Reriutaba. Infelizmente é um fato lamentável, pois apaga um dos símbolos da nossa cidade, empobrecendo ainda mais a memória coletiva local. Aos fatos, na ausência de uma legislação própria que proteja nossa cultura e nossa história, a secretaria de cultura deste município pediu no mês de fevereiro de 2017 junto a secretaria de cultura do Ceará, o tombamento do referido prédio, processo este que segue em análise. Sobre o processo de tombamento, tentamos notificar o atual proprietário sobre o fato, mas não adiantou. Só nos resta lamentar profundamente. Assim como bem afirmou Emília Vioti: "um povo sem memória é um povo sem história. E um povo sem história está fadado a cometer, no presente e no futuro, os mesmos erros do passado."
 É o que temos pra hoje em Reriutaba.
Texto: Professor Marcos Furtado

Veja abaixo os comentários no facebook.
Comentários

Rosinete Sousa muito triste
CurtirResponder156 min
Ana Tereza Magella Só nos resta saudades desse prédio tão histórico e tão bonito, que trás as lembranças de infância quando ia visitar as Mamedes com minha avó Teresinha. Só nos resta lembranças...
CurtirResponder154 minEditado
Alailton Linhares Triste uma das casa históricas de nossa reriutaba
CurtirResponder152 min
Kilson Theo Taíla Fato lamentável... mas diante da inexistência de uma legislação pertinente como o próprio amigo mencionou, que seja feita a vontade do novo proprietário.
Moesyo Fernandes Mais se o proprietário comprou e pagou, ele tem direito de fazer o que quiser não importa sé é histórico ou não, ou não é assim alguém me explique ???
CurtirResponder148 min
Geandersom Cds Aquela casa faz parte da hostória de nossa cidade quando ela é tombada ela nao pode ser modificada em nada tem que permanecer do jeito que está pidendo ser feita apenas reformas que nao tire o seu real modelo
CurtirResponder338 min
CurtirResponder131 min
Marcos Furtado Logicamente que o dono tem direitos sobre o imóvel, isso não resta dúvida. Mas é plenamente viável o uso de um imóvel desses preservando seu estilo arquitetônico. Muitas outras cidades fazem isso. Exemplo bem próximo é Sobral.
CurtirResponder644 min
Lane Sousa Triste
CurtirResponder141 min
Edvan Clio Infelizmente nossa cidade aos poucos vai perdendo os traços originais. Fato lamentável!
CurtirResponder239 min
Marcos Furtado Kilson Theo Taíla, mesmo não havendo legislação própria a nível local para tratar do tema, a legislação estadual e até federal pode ser aplicada. Foi o que fizemos, protocolamos pedido de tombamento junto a secult estadual.
CurtirResponder139 minEditado
Kilson Theo Taíla Com certeza. Atitude e iniciativa louváveis. Mas ao mesmo tempo que ainda não houve deferimento para tal pedido... nada pode ser feito.
Marcos Furtado Infelizmente.

Nenhum comentário: