segunda-feira, 10 de abril de 2017

Reriutaba está entre os 41 municípios do estado com alta infestação do Aedes Aegypti

O levantamento é um método amostral que monitora a densidade de formas imaturas (larvas e pupas) por meio de pesquisa nas residências.

A Secretaria de Saúde do Estado (Sesa/CE) divulgou, nesta segunda-feira (10), o 1º  Levantamentos Rápidos de Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) de 2017. O documento, que tem por objetivo mapear os índices de infestação pelo mosquito, apontou que, no Ceará, 88% dos municípios (162/184) enquadram-se nos critérios para realização do LIRAa.
Em relação ao ano passado, o que se observa é que aumentou a quantidade de municípios participantes, e também cresceu o número de cidades em nível mais grave. 
Em 2016, o quantitativo era de 26. Neste primeiro balanço, o total chegou a 41. Conforme o LIRAa, 30,4% das 162 cidades inseridas no levantamento apresentaram alta infestação do mosquito Aedes aegypti.

No primeiro levantamento do ano de 2016, feito em abril pela Sesa, 50,6% das cidades realizaram o LIRAa. Destes, 31,7% apresentaram alta infestação pelo Aedes aegypti, 40,2% encontravam-se em situação de média infestação e 28% apresentaram índice satisfatório.
O levantamento é um método amostral que monitora a densidade de formas imaturas (larvas e pupas) por meio de pesquisa realizada na visita domiciliar do Agente de Combate às Endemias.
Onde estão as larvas
De acordo ainda com a Secretaria de Saúde, os depósitos localizados ao nível do solo tais como cisterna, tambor, tanque, foram os que predominaram com infestação pelo mosquito responsável pelas doenças como a dengue, chikungunya e zyca.
Entre os municípios em situação de alerta devido aos altos níveis do Índice de Infestação Predial (IIP) estão Apuiarés, Tejuçuoca, Capistrano, Quixeramobim, Varjota, Independência e Araripe. Fortaleza está na faixa de média.
Importância do LIRAa
A partir da informação obtida pelo LIRAa, técnicos possuem subsídios para tomada de decisão principalmente para a priorização de áreas de atuação bem como das estratégias a serem utilizadas para eliminação ou controle dos principais criadouros do mosquito.
Veja lista dos municípios com alta infestação
Apuiarés
Itapagé
São Luís do Curu
Tejussuoca
Aracoiaba
Baturité
Capistrano
Itapiúna
Boa Viagem
Baturité
Canindé
Caridade
Pedra Branca
Quixadá
Quixeramobim
Alto Santo
Iracema
Pereiro
Forquilha
Hidrolândia
Massapê
Mucambo
Reriutaba
Senador Sá
Varjota
Jijoca de Jericoacoara
Marco
Viçosa do Ceará
Parambu
Ararendá
Independência
Tamboril
Piquet Carneiro
Milagres
Penaforte
Altaneira
Araripe
Nova Olinda
Farias Brito
Barbalha
Horizonte
Pacajus
http://diariodonordeste.verdesmares.com.br/cadernos/cidade/online/levantamento-aponta-que-41-municipios-do-ce-tem-alta-infestacao-de-aedes-aegypti-1.1735625



Fonte: Diário do Nordeste

Nenhum comentário: